quarta-feira, novembro 09, 2005

Nomes

Flôr do império, rosa de ouro, primavera, a poupadinha, flash, são curiosos os nomes, que damos às nossas lojas.
Ontem à noite, no autocarro, a caminho de casa, passei distraida os olhos pelos néons, placas e afins, que rotulam o comércio e que nos dizem, ou deviam dizer, "aquilo ali é um talho", "aquela é uma loja de roupa", "olha uma retrosaria, não via uma há tanto tempo", e fiquei baralhada.
Se retirassem os néons do local e mos entregassem, por certo não saberia entregá-los aos seus donos... o que é a "primavera"? e a "rosa de ouro?".
Não era mais simpático, e mesmo melhor comercialmente as lojas terem nomes, dentro do contexto do mercado em que se inserem? "Flash" faz sentido para apelidar uma loja de fotografias ou mesmo algo ligado à moda, mas será interessante para marca de loja de móveis?

1 Comments:

Blogger lud said...

Realmente a liberdade de expressão foi compreendida de uma forma extrema pelas pessoas! Concordo que seria lógico o comércio especializado ter um nome que se aproximasse à sua especialização! Às vezes as pessoas pensam que estão a ser imaginativas, mas na verdade estão a confundi-se/nos!

09:48  

Enviar um comentário

<< Home